domingo, 5 de junho de 2016

DIOXIDO DE CLORO E O NOSSO CORPO

 As células vermelhas do sangue que normalmente transportam o oxigênio através do corpo, não diferenciam entre oxigênio e dióxido de cloro.

Uma vez introduzido na corrente sanguínea, o dióxido de cloro desenvolve uma receptividade energética de quatro elétrons quando se aproxima de alguma célula com nível de PH abaixo de 7.
Isto significa que as células enfermas são vaporizadas (oxidadas) enquanto as células saudáveis permanecem não afetadas.

Voce sabe o que é Dioxido de Cloro?  - este é o post anterior a esta materia.

 Portanto após a ingestão do dióxido de cloro, as células vermelhas levam os íons de dióxido de cloro que ficam depositados na parede estomacal onde normalmente se juntam os nutrientes de vários tipos antes de partirem para as diversas partes do corpo.
 Então, quando as células vermelhas do sangue, armadas com dióxido de cloro, encontram parasitas, fungos, ou células enfermas cujo nível de PH é baixo e sua carga iônica é positiva, os “alienígenas” são destruídos junto com o íon de dióxido de cloro.

Porem, se tais encontros não se produzirem, o dióxido de cloro será levado até um ponto no organismo onde o oxigênio normalmente oxida as toxinas e outros agentes prejudiciais.
 Se o dióxido de cloro não encontrar nada que o detone, ele se deteriorará, perdendo portanto, um elétron ou dois.
O ponto mais importante a saber, é que o dióxido de cloro tem 100 vezes mais energia do que normalmente o oxigênio, e ainda assim, sem prejudicar as células saudáveis.

E se você estiver totalmente saudável e não tiver nada em seu corpo com nível de acidez abaixo de 7,não haverá efeitos negativos ao usar o dióxido de cloro.

Esta materia é uma pesquisa meramente elucidativa.
Retirada de varios estudos existentes.

Não tente convencer ninguem.
Não tente ou queira educar o seu médico.
Não prejudique o relacionamento com seu médico.

Se voce decidir experimentar:
É melhor ficar tímido ou em silêncio sobre a sua experimentação privada.
Existem penas severas para médicos que promovem terapias que ainda não estão aprovados.
 Se você optar por experimentar em privado com a opção descrita neste artigo, seja cuidadoso sobre como você expõem os resultados.

Sempre no intuito de trazer energias Positivas.

Onde conseguir o Dioxido de Cloro?
Estamos pesquisando e iremos postar.

Sobre Dioxido de Cloro e seus Beneficios

Dióxido de cloro, em quantidades bem reduzidas para ser ingerido com segurança. 

Leia mais sobre:

Pode ser o suficiente para matar organismos patogênicos que habitam em nosso corpo roubando nossa energia, envenenado com detritos e nos tornando mais vulneráveis as doenças.


Qualquer pessoa pode estar sobrecarregada com toxinas.
Alguns estão assim, mas não o admitem.
Outros preferem apenas pensar que não estão assim.
 Se sua saúde não é perfeita... você está geralmente em carência de energia, se tem problemas em reduzir o peso, a pressão sanguínea está sempre alterada, ou se lida com constante inflamação ou dor, então existe grande possibilidade do envolvimento de uma toxina, metal pesado, vírus, bactéria ou parasita.

O Dioxido de Cloro quando é ingerido, ele produz e se distribui pelas células vermelhas do sangue, o que o torna no mais potente matador de organismos patogênicos conhecido na natureza.

ATENÇÃO: O dióxido de cloro e o cloro, não são a mesma coisa. 

Explicando o Dioxido de Cloro:

dióxido de cloro é um composto químico que consiste de um íon de cloro associado a dois íons de oxigênio.

 Os agentes oxidantes são compostos químicos que aceitam logo elétrons de "doadores de elétrons".
 Adquirem os elétrons através de reações químicas.
 Isto é importante na relação com o dióxido de cloro porque todos os organismos patogênicos são doadores de elétrons.
 O dióxido de cloro é extremamente volátil. Pode-se chamá-lo "de temperamento explosivo", mas de uma forma benéfica.
 Essa volatilidade é o fator chave para a eficácia do dióxido de cloro como destruidor de seres patogênicos. O composto é literalmente explosivo;  tão explosivo que não é seguro transportá-lo em qualquer quantidade.
                                  
 Portanto, é prática comum produzir o dióxido de cloro no local onde será usado. O dióxido de cloro tem sido usado, por exemplo, em sistemas de tratamento de águas, onde começa a substituir o cloro porque não cria subprodutos carcinogênicos.

O dióxido de cloro foi aprovado pela Agencia de Proteção Ambiental dos E.U., ao remover com segurança organismos patogênicos e agentes contaminadores como o Antraz.
Mesmo na medicina convencional, o dióxido de cloro tem sido usado para esterilizar células vermelhas do sangue para transfusão.
 Portanto sabemos de sua eficácia. Contudo, as concentrações usadas em tais aplicações podem variar de 500 a 6000 partes por milhão (ppm), as quais certamente seriam mortais se usadas nos indivíduos.


Como e porquê o dióxido de cloro funciona, para dar uma vida nova ao sistema imunológico.

A volatilidade é o que torna eficaz o dióxido de cloro na presença de elementos patogênicos.

O Dioxido de cloro é um desinfetante seguro e eficiente usado em muitos sistemas de distribuição de água, em hospitais, e mesmo no combate ao bioterrorismo.

 A intenção é que venha funcionar com a mesma eficácia na água do corpo humano. A extrema volatilidade do dióxido de cloro impede que os organismos patogênicos criem resistência.
 Principalmente quando colidem, estes deixam de existir. 
E ainda assim, as células saudáveis e as bactérias benéficas permanecem intocadas.

 Os níveis normais de oxigênio no sangue não conseguem destruir todas as células patogênicas presentes nos quadros de doença, mas a aplicação de dióxido de cloro muda tudo.
Quando um íon de dióxido de cloro entra em contacto com um organismo patogênico, ele atrai imediatamente até cinco elétrons desse organismo, no que pode ser chamado de explosão microscópica...
Inofensiva para nós, mas terminal para a célula patogênica.

Onde quer que no organismo, os íons de dióxido de cloro transportados pelas células vermelhas do sangue, encontrem elementos patogênicos, estes entregam seus elétrons e deixam de existir.

 As células armadas com dióxido de cloro só “detonam” em contato com elementos patogênicos, que incluem as bactérias nocivas, os vírus e fungos também as toxinas, os metais pesados e os parasitas.

Todos estes têm um padrão de PH fora dos limites normais de uma boa saúde. Eles também terão uma carga iônica positiva.

As células contendo o dióxido de cloro, não oxidam as bactérias benéficas nem as células saudáveis, pois seus níveis de PH são 7 ou pouco acima, e contêm uma carga iônica negativa.

Se o dióxido de cloro não encontrar elementos patogênicos ou outros venenos, ele se transforma em cloreto de sódio (NaCl), ou seja, o sal de mesa. (em média segundo o autor entre 90 a 120 minutos)

As pesquisas revelam que o dióxido de cloro é muito mais seguro que o cloro, por ser seletivo com os elementos patogênicos quando usado na água.

O cloro – pertencente à família dos elementos halogênios – cria pelo menos três compostos carcinogênicos quando entra no corpo, principalmente trialometanos (THMs).

Não se tem encontrado a evidência de tais elementos prejudiciais sendo produzidos pelo dióxido de cloro.

Sociedade Americana de Químicos Analíticos, proclamou o dióxido de cloro como sendo o eliminador de elementos patogênicos mais poderoso, conhecido pelo homem.

Pode ser eficaz nos tratamentos contra DENGUE, CHICONGUNYA e outras.

Esta materia é para elucidar sobre possiveis tratamentos para diversos sintomas.
Leia mais sobre em nosso proximo Post.
Onde pode ser encontrado?
Estamos pesquisando para informar.

Não tome medicamentos sem a consulta de um medico.





terça-feira, 3 de maio de 2016

Dengue, Zika vírus e chikungunya: conheça

As 4 doenças que transmite o mosquito Aedes aegypti

Diferença entre zika vírus, febre amarela, dengue e chikungunya

As quatro são doenças distintas, ainda que em algumas delas os sintomas possam ser semelhantes, pelo menos no princípio. A doença que se desenvolve depende do vírus que o mosquito carrega. Evidentemente, nem todos os mosquitos dessa espécie estão infectados. A gente te conta como é cada uma dessas doenças e quais são os seus sintomas. 

Sintomas das doenças que transmite o Aedes aegypti

1. O zika vírus: Após a picada do mosquito, a doença pode ou não se desenvolver. Os sintomas são febre, erupções avermelhadas em todo o corpo, conjuntivite (algo que não acontece nas outras doenças), mal estar geral, artrite nas mãos e pés. Também podem acontecer, em alguns casos, diarréia e dor nos olhos. Os sintomas desaparecem em 5 – 7 dias e não deixa de ser uma doença leve em adultos quando não se trata de uma gestante. Neste caso, os efeitos podem recair no feto. Estuda-se a relação entre o aumento de bebês com microcefalia nas áreas afetadas pelo zika vírus. O vírus, cuja origem é Uganda (África) cruzou o continente americano e já se converteu num pesadelo, sobretudo em países como o Brasil e Colômbia, onde o zika vírus já pode ser considerado uma epidemia. 
2. A dengue: Essa doença transmitida pelo mesmo mosquito manifesta alguns sintomas muito similares aos do zika vírus. No início aparecem febre e dores musculares. No entanto, no caso da dengue a febre é muito alta e as dores nas articulações muito fortes, quase insuportáveis em alguns casos. Entre seus sintomas se encontram náuseas e vômitos, dores muito fortes de cabeça e uma dor localizada atrás dos globos oculares. Atualmente se pesquisa uma vacina de uma doença que milhões de pessoas sofrem em todo o mundo e que, em muitos casos pode ser fatal, como a dengue hemorrágica. 
3. A chikungunya: As dores que aparecem na chikungunya são consideradas insuportáveis. De fato, o seu nome vem de uma palavra africana que significa ‘dobrar-se de dor’. Os primeiros sintomas chegam uns 3 ou 7 dias depois da picada. Além dessas terríveis dores nas articulações, também acontecem náuseas, febre alta e erupções cutâneas em forma de brotoejas de cor púrpura que coçam muito. A diferença das outras três doenças é que os gânglios linfáticos se inflamam e pode sangrar o nariz. O mal desse vírus é que seus efeitos duram meses, inclusive pode se converter em dores crônicas nas articulações. Este vírus também se encontra já em alguns países sul americanos. No momento não existe vacina para esta doença
4. Febre amarela: Esta doença afeta, sobretudo países da África, América Central e América do Sul. Os sintomas levam o paciente a sofrer febre, dores nas costas, calafrios, cefaléias, náuseas e perda de apetite. Se a doença se agravar pode aparecer icterícia e vômitos e sangramentos internos e das mucosas. Para esta doença já existe vacina. Orienta-se que as pessoas que quiserem viajar para áreas com grande

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Dor no nervo ciatico - por que e o que fazer


Dor pode começar com um formigamento leve que aumenta aos poucos.
Exercícios simples fortalecem os músculos e ajudam a evitar; aprenda.


O nervo ciático é o maior do corpo humano e responsável pela sensibilidade, mobilidade e articulações dos membros inferiores.
Se há uma inflamação ou compressão nesse nervo, pode ocorrer a dor ciática - geralmente, ela começa com um formigamento leve e pode aumentar progressivamente de intensidade ou pode também aparecer repentinamente, como agulhadas. No entanto, vale ressaltar que essa dor não é uma doença, mas o sintoma de algum problema e, na maioria das vezes, é causada por uma hérnia de disco, como explica o ortopedista Marcelo Wajchenberg.
Geralmente, essa dor costuma aparecer depois dos 40 anos de idade por causa do desgaste da cartilagem causado pelo envelhecimento, mas ela pode ocorrer também com crianças e jovens já que é um problema genético.
Esse desgaste, responsável por 90% dos casos de dor, pode ocorrer não só pelo envelhecimento e genética, mas também por causa do sobrepeso do paciente ou por ele carregar muito peso. Esses fatores, somados ao sedentarismo, cigarro e erros de postura, podem causar ainda a hérnia de disco, que pressiona o nervo ciático e é a principal causa da dor. 
Nesses casos, quando a dor é crônica, não é aconselhável fazer qualquer tipo de exercícios durante as crises já que eles podem até piorar o problema. O ideal, nessa situação, é fazer uma compressa de 20 minutos com uma bolsa de água quente e ficar de repouso para aliviar a musculatura. Quando essa fase aguda passar, o paciente pode fazer os exercícios para fortalecer os músculos e proteger a coluna.
Ainda na hora da crise, o paciente não deve esticar as pernas ou ficar em absoluto repouso porque isso pode aumentar a dor. Outra dica é deitar, colocar um travesseiro entre as pernas e ficar de lado, com as pernas dobradas. 
Por isso, para quem tem hérnia de disco, a melhor posição para dormir é essa – de lado e com o travesseiro entre as pernas – ou com a barriga para cima, com o travesseiro abaixo dos joelhos, mas nunca de bruços porque pode forçar a lombar e piorar a dor.
Os exercicios explicarei em proximo post.
Ate la.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

FIGADO - COMO DESINTOXICAR

 FAZER DESINTOXICAÇÃO DO FÍGADO?
8 Conselhos rápidos para um fígado mais saudável

O fígado é um dos órgãos mais importantes e maiores do corpo humano. Ele desempenha um papel essencial na metabolização de nutrientes assim como na limpeza de substâncias toxicas ao organismo.

Foto: COMO FAZER DESINTOXICAÇÃO DO FÍGADO?
8 Conselhos rápidos para um fígado mais saudável

O fígado é um dos órgãos mais importantes e maiores do corpo humano. Ele desempenha um papel essencial na metabolização de nutrientes assim como na limpeza de substâncias toxicas ao organismo.

http://goo.gl/T2BEos

 O fígado e um orgão vital pa o organismo humano. Manter um fígado saudável é um fator chave para o bem estar físico e mental. O bom funcionamento do fígado reflete-se não só a nível interno como externo através da pele.

O que pode fazer para melhorar a saúde do fígado?

1. Cortar com o tabaco e o café e álcool. Eles contém substancias químicas nocivas que provocam um stress desnecessário às funções hepáticas.

2. Beber mais água.

3. Comer comidas orgânicas. Os produtos não orgânicos muitas vezes contêm substâncias quimicas como pesticidas, hormonas ou antibióticos que se tornam mais difíceis de processar transformando-se por isso numa carga extra para as funções hepáticas.

4. Dormir mais. É durante o sono profundo que o fígado inicia o seu processo de limpeza do organismo. Deitar cedo e sempre à mesma hora é a melhor forma de ajudar o fígado a estabelecer o seu ciclo de rotina diária de desintoxicação.

O sucesso da função hepática durante a noite fa-lo-à também sentir-se melhor ao acordar.

5. Utilize os benefícios das ervas naturais. O chá de raiz de dente de leão é tido como um bom ajudante na regeneração das células do fígado, assim como um estimulante do funcionamento renal.

6. Aumente o consumo de legumes verdes. Principalmente legumes de folha como os espinafres. Estes ajudam a balançar a acidez do organismo assim como a melhorar a textura e brilho da pele.

7. Coma mais abacate. O abacate promove a saúde do fígado através do seu composto glutationa que não só combate o envelhecimento como promove o rejuvenescimento celular protegendo o fígado contra toxinas e potenciando o seu poder de limpeza.

8. Raíz de curcuma. A curcuma, tumérico ou gengibre amarelo é um poderoso adjuvante na saúde do fígado protegendo-o de danos causados por substâncias toxicas e ativando a regeneração das células danificadas.

 
DICA EXTRA PARA DESINTOXICAR O SEU FÍGADO!

Beba um sumo verde em jejum logo pela manhã!

Ingredientes: 1 maça, 1 pepino, folhas de espinafre, aipo ou outro vegetal folhoso verde que tenha em casa, 1 cenoura e uma rodela de limão sem casca. Opcionalmente pode também adicionar beterraba, kiwi, pêra, papaia/mamão, um pouco de gengibre em pó e uma colher de sobremesa de Spirulina em pó.

Confecção: Junte todos os ingredientes numa liquidificadora até obter o sumo.

Sinta-se bem, saudável e com saúde…

Acesse o link-
http://goo.gl/T2BEos

O fígado e um orgão vital pa o organismo humano. Manter um fígado saudável é um fator chave para o bem estar físico e mental. O bom funcionamento do fígado reflete-se não só a nível interno como externo através da pele.

O que pode fazer para melhorar a saúde do fígado?

1. Cortar com o tabaco e o café e álcool. Eles contém substancias químicas nocivas que provocam um stress desnecessário às funções hepáticas.

2. Beber mais água.

3. Comer comidas orgânicas. Os produtos não orgânicos muitas vezes contêm substâncias quimicas como pesticidas, hormonas ou antibióticos que se tornam mais difíceis de processar transformando-se por isso numa carga extra para as funções hepáticas.

4. Dormir mais. É durante o sono profundo que o fígado inicia o seu processo de limpeza do organismo. Deitar cedo e sempre à mesma hora é a melhor forma de ajudar o fígado a estabelecer o seu ciclo de rotina diária de desintoxicação.

O sucesso da função hepática durante a noite fa-lo-à também sentir-se melhor ao acordar.

5. Utilize os benefícios das ervas naturais. O chá de raiz de dente de leão é tido como um bom ajudante na regeneração das células do fígado, assim como um estimulante do funcionamento renal.

6. Aumente o consumo de legumes verdes. Principalmente legumes de folha como os espinafres. Estes ajudam a balançar a acidez do organismo assim como a melhorar a textura e brilho da pele.

7. Coma mais abacate. O abacate promove a saúde do fígado através do seu composto glutationa que não só combate o envelhecimento como promove o rejuvenescimento celular protegendo o fígado contra toxinas e potenciando o seu poder de limpeza.

8. Raíz de curcuma. A curcuma, tumérico ou gengibre amarelo é um poderoso adjuvante na saúde do fígado protegendo-o de danos causados por substâncias toxicas e ativando a regeneração das células danificadas.


DICA EXTRA PARA DESINTOXICAR O SEU FÍGADO!

Beba um sumo verde em jejum logo pela manhã!

Ingredientes: 1 maça, 1 pepino, folhas de espinafre, aipo ou outro vegetal folhoso verde que tenha em casa, 1 cenoura e uma rodela de limão sem casca. Opcionalmente pode também adicionar beterraba, kiwi, pêra, papaia/mamão, um pouco de gengibre em pó e uma colher de sobremesa de Spirulina em pó.

Confecção: Junte todos os ingredientes numa liquidificadora até obter o sumo.

Sinta-se bem, saudável e com saúde…


Dicas de Mauricoo Tatar - Revista FisioBrasil.

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

DIETA dos FAMOSOS.

Com a Dieta Nua, Crua e Gostosa milhares de pessoas em todo o mundo têm conseguido emagrecer com saúde, manter o peso ideal e inclusive se curar de inúmeras doenças, como câncer, diabetes, depressão, entre outras. Você adquire um maior controle sobre o seu corpo e mente. A vida se torna mais leve e toma um novo e surpreendente significado!

Neste livro compartilho minha história, como a Dieta Nua, Crua e Gostosa funciona e mais de 40 Receitas Simples Para Emagrecer Com Saúde.

Vale a pena assistir a explicação:  CLICK AQUI
ou
http://hotmart.net.br/show.html?a=M2185530a

Quer ver o video no youtube:


POSITIVE LIFE FORCE Headline Animator